Image

Equipe da NBA quer pagar salários em Bitcoin

Avatar
06 April 2021

O Sacramento Kings, equipe de basquete da cidade de Sacramento, capital da Califórnia, está se preparando para pagar pelo menos parte dos salários de funcionários e jogadores em Bitcoin, a maior e mais conhecida criptomoeda do mundo. A informação circulou em uma conversa no aplicativo ClubHouse envolvendo o presidente da equipe, Vivek Ranadivé.

Bitcoin entra na mira de times de esportes norte americano

Image

O anúncio formal ainda não foi feito mas segundo o executivo, os jogadores e funcionários poderão optar por receber uma parte de seus salários em Bitcoin. O Sacramento Kings já tem tradição no assunto pois aceita Bitcoins como forma de pagamento em sua arena desde 2014. O clube também minera criptomoedas em um programa chamado MiningForGood que faz doações com parte do que minera e possui parcerias com empresas de Blockchain.

“O Vasco da Gama lançou um token em parceria com a exchange brasileira Mercado Bitcoin e negociou R$ 1,2 milhão no primeiro dia de mercado, e a Binance, maior exchange do mundo, lançou para clientes brasileiros a negociação de tokens de torcedor de alguns grandes clubes internacionais, como o PSG e a Juventus”

– Lucas Costa, Diretor de Marketing

O diretor de marketing da Dynasty Global Investments AG, Lucas Costa, lembra que já existem iniciativas envolvendo criptomoedas no esporte profissional também no Brasil. “O Vasco da Gama lançou um token em parceria com a exchange brasileira Mercado Bitcoin e negociou R$ 1,2 milhão no primeiro dia de mercado, e a Binance, maior exchange do mundo, lançou para clientes brasileiros a negociação de tokens de torcedor de alguns grandes clubes internacionais, como o PSG e a Juventus”.


Share this article: